FORMAÇÃO CONTINUADA DO DOCENTE E AS NOVAS TECNOLOGIAS: :

  • Solange Testa
  • Beatriz Mello Santos E.E. PROFESSORA MARIA VIRGINIA MANSUR BIAGI

Resumo

O presente artigo apresenta o jogo de xadrez no processo ensino e aprendizagem para os alunos dos anos finais do ensino fundamental I, articulado com a disciplina de matemática e ética e o desenvolvimento de projetos interdisciplinares. O jogo de xadrez estimula o desenvolvimento do raciocínio lógico, a memorização, a concentração e a resolução de problemas e, além disso, ensina conceitos éticos como respeito às diferenças, interesse pelas atividades lúdicas e sociais. A metodologia utilizada foi a revisão bibliográfica de artigos, livros e pesquisa em sites de domínio público. O objetivo geral deste artigo é mostrar como o xadrez pode ser uma atividade lúdica e muito eficiente no aprendizado escolar associado às novas tecnologias. O primeiro passo foi tratar da história do xadrez para que houvesse uma iniciação no conteúdo e compreensão do jogo em questão, posteriormente foram desenvolvidas atividades lúdicas, envolvendo conteúdos matemáticos e depois disso foi iniciado  um projeto piloto em parceria com o Laboratório de Objetos de Aprendizagem (LOA), da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), em duas escolas públicas, sendo uma da rede estadual e outra da rede municipal de ensino, localizadas em Batatais, estado de São Paulo. Com o advento da Internet, o papel dos REA (recursos educacionais abertos) na formação continuada do professor é imprescindível, pois além de ser um mediador, pesquisador na sala de aula, torna–se também autor e pode proporcionar aos seus alunos novos caminhos para que também se tornem autores, construindo uma relação mais afinada entre professor e aluno, customizando os conteúdos abordados e compartilhando on line. Nossa preocupação se restringe a melhoria do processo ensino e aprendizagem e os REA têm ocupado um amplo espaço no âmbito educacional. De acordo com a descrição do Projeto Remar o acesso aberto a recursos educacionais se constitui em um requisito primordial para uma educação democrática, de qualidade, sustentável e aberta, seja na modalidade presencial, a distância ou híbrida e em todos os níveis de formação. O reuso de recursos educacionais pode ser promovido, levando-se em conta o desenvolvimento de tais recursos, pois se trata de um processo dispendioso e requer um trabalho conjunto entre especialistas do conteúdo e uma equipe multidisciplinar. Dessa forma, este projeto piloto tem como intuito ampliar o acesso aos recursos educacionais abertos, por meio de um serviço, na forma de uma plataforma web, que ofereça ferramentas que facilitem a construção e customização de REA.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Mestre em Ensino de Ciências e Matemática pela UNICSUL (Universidade Cruzeiro do Sul) e Especialista em Gestão Empresarial (UniFaCEF); duas graduações, Bacharelado em Administração pela UniFaCEF (Centro Universitário de Franca) e Licenciatura em Matemática pelo CEUCLAR (Centro Universitário Claretiano). Atualmente, sou coordenadora dos cursos de Licenciatura em Matemática, Formação Pedagógica para Não Licenciados em Matemática e Especialização em Ensino de Matemática, na modalidade a distância, ambos no CEUCLAR. Atuo como docente na modalidade EaD do Centro Universitário Claretiano de Batatais nos cursos de graduação em Matemática, Administração, Tecnólogos e Formação Pedagógica para Não Licenciados em Matemática. Também ministro aulas de Matemática e Estatística nos cursos Superiores de Tecnologia em Gestão Financeira, Gestão de Recursos Humanos e Gestão de Agronegócios, na modalidade presencial, no Claretiano - Centro Universitário em Batatais (SP). Além disso, sou professora efetiva do Ensino Fundamental II e Ensino Médio na Escola Estadual Professora Maria Virginia Mansur Biagi, na cidade de Batatais (SP), atuando nas disciplinas de Matemática e Física. Tenho experiência na área de Matemática, com ênfase em Matemática, atuando principalmente nos seguintes temas: educação a distância, matemática, pedagogia, formação de professores, conhecimentos matemáticos, aprendizagem e ensino. Assistente de pesquisa do Grupo Horizonte, da UFSCar.

Publicado
2018-05-28
Como Citar
TESTA, Solange; MELLO SANTOS, Beatriz. FORMAÇÃO CONTINUADA DO DOCENTE E AS NOVAS TECNOLOGIAS. CIET:EnPED, [S.l.], maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/332>. Acesso em: 28 mar. 2020.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Pesquisa e produção de conhecimento