DE CRIANÇA PARA CRIANÇA: : discursos sobre gênero, raça e classe social produzidos por youtubers mirins

  • Gláucia Dos Santos Jorge Universidade Federal de Ouro Preto

Resumo

Este trabalho tem como objetivo problematizar as representações de gênero, classe e raça produzidos por youtubers mirins no Brasil. Para tanto, nos embasamos nos estudos de De Mause (1991), Arriès (1980), Mill e Jorge (2012), Rosseau (1991) e outros pesquisadores da infância e da criança nas sociedades grafocêntricas digitais, para propor uma pesquisa qualitativa de base etnográfica. Para tanto, iremos analisar vídeos produzidos por três youtubers mirins que serão usados na geração de dados: Planeta das Gêmeas (6.252.033 inscritos– 324 postagens – 1.649.369.543 visualizações); Vida de Brinquedo (86.284 inscritos – 225 postagens – 23.941.781 visualizações) Bia Lobo (1.440.499 inscritos – 293 postagens – 384.770.709 visualizações). A geração de dados está se dando por meio de análise documental e de conteúdo. Em relação aos inscritos, consideramos dois aspectos: o protagonismo das crianças na produção efetiva dos vídeos e também o número de visualizações que eles alcançaram. No caso dos canais Planeta das Gêmeas e Bia Lobo existe a participação dos pais das crianças ora por trás das câmeras, ora protagonizando as filmagens com as crianças. No caso do canal Vida de Brinquedo a criança é a única a operar a câmera e, ao que parece, organizar os “roteiros” das brincadeiras que apresenta para os inscritos dos seus canais. Esperamos, com essa pesquisa, compreender como as representações de gênero, classe e raça são construídas por meio das brincadeiras encenadas pelos youtubers mirins; problematizar a inserção da criança nas culturas digitais do youtube e caracterizar o perfil das crianças mais populares no youtube.


Palavras-chave: Youtuber mirim; representação de gênero; representação de raça; representação de classe.

Publicado
2018-05-18
Como Citar
DOS SANTOS JORGE, Gláucia. DE CRIANÇA PARA CRIANÇA. CIET:EnPED, [S.l.], maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/651>. Acesso em: 22 nov. 2019.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Aprendizagem e construção do conhecimento