QUEBRANDO GRADES PARA PERCURSOS EM REDE NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: :

  • Susan Kratochwill

Resumo

Este estudo representa um dos eixos da pesquisa de doutorado “Entre grades e redes: repensando a EaD no Brasil”, defendido em julho de 2016, com foco na utilização e produção de material didático para os cursos a distância. O problema deflagrado questiona o quanto a forma de apresentação dos conteúdos de ensino na EaD, seguindo livros didáticos pré-estabelecidos, pode influenciar no método e no interesse pela aprendizagem significativa diante da cibercultura. Objetivou-se analisar as múltiplas referências da cibercultura atreladas às formas de apresentação do conteúdo e suas interferências no método, considerando uma modalidade educacional que tenha como premissa a rede mundial de computadores. O procedimento de estudo se espelha na pesquisa bibliográfica e ‘ex post facto’, sendo um estudo descritivo quanto ao objetivo e com base na abordagem multirreferencial, visando a compreensão dos fenômenos de ensino e aprendizagem a partir do livro didático. Os principais resultados indicaram que na EaD o conteúdo (conhecimento) se aprisiona em livros didáticos e tais livros aprisionam as práticas ou métodos de ensino assim como a aprendizagem.

Publicado
2018-05-16
Como Citar
KRATOCHWILL, Susan. QUEBRANDO GRADES PARA PERCURSOS EM REDE NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA. CIET:EnPED, [S.l.], maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/70>. Acesso em: 22 nov. 2019.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Materiais didáticos e mediação tecnológica