A LÓGICA DA TECNOLOGIA INFORMÁTICA NO CAMPO EDUCACIONAL: : ALGUNS APONTAMENTOS

  • Juliana Rossi Duci

Resumo

O debate que propormos lança luz sobre a presença da lógica da tecnologia informática no campo educacional. Ao refletirmos sobre um aparato tecnológico informático – computador – identificamos que este não possui uma neutralidade intrínseca, pois ao advir e conter fins de eficiência produtiva mercadológica não deixa de carregar em si tais aspectos em suas implicações. Nesse sentido, a reflexão teórica proposta busca contribuir ao debate crítico sobre a necessidade de não negligenciarmos a presença da lógica da tecnologia informática e seus suportes (softwarização e remediação permanente) no campo da educação. Apoiamo-nos nas discussões propostas pela teoria dos meios, que parte de M. McLuhan passa por L.Manovich e chega em R.Gere. Porém, não deixamos de lançar mão dos aspectos que compõe as reflexões presentes nas teorias pedagógicas contemporâneas, em especial as chamadas cognitivistas-interacionistas. Atrelados a uma visão crítica tais reflexões são subsidiadas pelos pensadores da Teoria Crítica da Sociedade, tais como T.Adorno, M.Horkheimer e H.Marcuse. Ao lançar mão das reflexões teóricas de diferentes campos, buscamos subsidiar uma construção de escopo teórico reflexivo no campo da educação e do uso da tecnologia a fim de contribuirmos no suporte epistemológico crítico sobre o avanço das normas de heteronomia e dominação nos processos formativos contemporâneos.

Publicado
2018-05-16
Como Citar
ROSSI DUCI, Juliana. A LÓGICA DA TECNOLOGIA INFORMÁTICA NO CAMPO EDUCACIONAL. CIET:EnPED, [S.l.], maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/73>. Acesso em: 28 mar. 2020.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Pesquisa e produção de conhecimento