ESTUDOS DE UMA INTERFACE DIGITAL INTERATIVA NO PIBITI-DANÇA: :

  • Isa Sara Rego dos Santos
  • Gilberto Lacerda Santos Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Brasília

Resumo

Gilberto Lacerda Santos é Professor Titular da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, onde atua em extensão, graduação e pós-graduação no campo das aplicações pedagógicas das tecnologias de informação, comunicação e expressão (TICE) e em divulgação científica e tecnológica. É Doutor em Sociologia do Conhecimento Científico e Tecnológico pela Universidade de Brasília (2001); Ph.D. em Educação pela Universidade Laval (Canadá, 1995), com foco em aplicações de tecnologias na educação; Mestre em Tecnologias na Educação, com ênfase em Inteligência Artificial, pela Universidade Laval (Canadá, 1991). Realizou estudos de Pós-doutorado em educação e tecnologias na Espanha, em 1998, e no Canada, em 2003 e novamente em 2014. É líder do Grupo de Pesquisas Ábaco de Pesquisas Interdisciplinares sobre Informática e Educação desde sua fundação, em 2005. É consultor em inovações educativas em organizações públicas e privadas. Coordena o Museu Virtual de Ciência e Tecnologia da Universidade de Brasília, um dos principais dispositivos de divulgação científica da instituição desde sua criação, em 2007. Sua produção bibliográfica é, atualmente, constituída por 49 artigos completos em periódicos, 10 livros individuais, 11 livros organizados, 28 capítulos de livros e 71 trabalhos completos em anais de congressos nacionais e internacionais. Atua nos campos da formação de professores para uso de TICE na educação, da engenharia de softwares educativos e da divulgação científica e tecnológica. Recebeu 11 prêmios no Brasil e no exterior, dentre os quais Moção de Honra e Aplauso pela repercussão de seu trabalho, concedida pela Câmara Legislativa do Rio de Janeiro em 2011, o Prêmio Jovem Cientista 2001, concedido pelo CNPq, Fundação Roberto Marinho e Gerdau e outorgado pelo Presidente da República, e o Prêmio Nacional de Excelência em Educação a Distância, concedido pelo Ministério da Educação em 2003 e 2005. Orientou mais de uma centena de trabalhos acadêmicos (Trabalhos de conclusão de curso, projetos de iniciação científica, monografias de especialização, dissertações de mestrado, teses de doutorado, estágios de pós-doutorado). Foi, durante 8 anos, gestor brasileiro e docente do Consórcio Europeu de Engenharia de Mídias para a Educação. Foi Subsecretaria de Educação científica e Tecnológica do governo de Brasília e Assessor Especial do Governo do Distrito Federal para temas relacionados com ciência, tecnologia e inovação entre 2015 e 2017. Criou a Rede Distrital de Educação e Divulgação Científica, composta por mais de 40 instituições com essa finalidade. Integra a equipe que promove a construção, na capital Federal, do Museu de Ciência e Tecnologia de Brasília. Os termos mais frequentes na contextualização de sua produção científica são inovação científica e tecnológica, informática na educação, educação a distância, divulgação de C & T, formação de professores, sociedade da informação, inovações educativas, engenharia de softwares e ciência, tecnologia e juventude.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Gilberto Lacerda Santos é Professor Titular da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, onde atua em extensão, graduação e pós-graduação no campo das aplicações pedagógicas das tecnologias de informação, comunicação e expressão (TICE) e em divulgação científica e tecnológica. É Doutor em Sociologia do Conhecimento Científico e Tecnológico pela Universidade de Brasília (2001); Ph.D. em Educação pela Universidade Laval (Canadá, 1995), com foco em aplicações de tecnologias na educação; Mestre em Tecnologias na Educação, com ênfase em Inteligência Artificial, pela Universidade Laval (Canadá, 1991). Realizou estudos de Pós-doutorado em educação e tecnologias na Espanha, em 1998, e no Canada, em 2003 e novamente em 2014. É líder do Grupo de Pesquisas Ábaco de Pesquisas Interdisciplinares sobre Informática e Educação desde sua fundação, em 2005. É consultor em inovações educativas em organizações públicas e privadas. Coordena o Museu Virtual de Ciência e Tecnologia da Universidade de Brasília, um dos principais dispositivos de divulgação científica da instituição desde sua criação, em 2007. Sua produção bibliográfica é, atualmente, constituída por 49 artigos completos em periódicos, 10 livros individuais, 11 livros organizados, 28 capítulos de livros e 71 trabalhos completos em anais de congressos nacionais e internacionais. Atua nos campos da formação de professores para uso de TICE na educação, da engenharia de softwares educativos e da divulgação científica e tecnológica. Recebeu 11 prêmios no Brasil e no exterior, dentre os quais Moção de Honra e Aplauso pela repercussão de seu trabalho, concedida pela Câmara Legislativa do Rio de Janeiro em 2011, o Prêmio Jovem Cientista 2001, concedido pelo CNPq, Fundação Roberto Marinho e Gerdau e outorgado pelo Presidente da República, e o Prêmio Nacional de Excelência em Educação a Distância, concedido pelo Ministério da Educação em 2003 e 2005. Orientou mais de uma centena de trabalhos acadêmicos (Trabalhos de conclusão de curso, projetos de iniciação científica, monografias de especialização, dissertações de mestrado, teses de doutorado, estágios de pós-doutorado). Foi, durante 8 anos, gestor brasileiro e docente do Consórcio Europeu de Engenharia de Mídias para a Educação. Foi Subsecretaria de Educação científica e Tecnológica do governo de Brasília e Assessor Especial do Governo do Distrito Federal para temas relacionados com ciência, tecnologia e inovação entre 2015 e 2017. Criou a Rede Distrital de Educação e Divulgação Científica, composta por mais de 40 instituições com essa finalidade. Integra a equipe que promove a construção, na capital Federal, do Museu de Ciência e Tecnologia de Brasília. Os termos mais frequentes na contextualização de sua produção científica são inovação científica e tecnológica, informática na educação, educação a distância, divulgação de C & T, formação de professores, sociedade da informação, inovações educativas, engenharia de softwares e ciência, tecnologia e juventude.

Publicado
2018-05-18
Como Citar
SARA REGO DOS SANTOS, Isa; LACERDA SANTOS, Gilberto. ESTUDOS DE UMA INTERFACE DIGITAL INTERATIVA NO PIBITI-DANÇA. CIET:EnPED, [S.l.], maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/769>. Acesso em: 22 nov. 2019.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Aprendizagem e construção do conhecimento