UTILIZAÇÃO DE MODELOS 3D COMO RECURSO DIDÁTICO NO ENSINO DE EMBRIOLOGIA DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL

  • Anderson de Lima Muniz
  • Suzana Guimarães Moraes

Resumo

O advento da impressão 3D impulsionou inúmeros avanços para as ciências da saúde, principalmente na medicina, especialmente nos seguimentos cirúrgico, terapêutico e acadêmico. Infelizmente, a tecnologia da impressão 3D ainda não tem sido utilizada amplamente para o ensino de embriologia, o que facilitaria e muito a compreensão dos estudantes, já que é uma disciplina cujo conteúdo envolve processos concomitantes e tridimensionais e exige muita capacidade de abstração e memória visual para a sedimentação de um conhecimento permanente.
Dentro da embriologia, o aprendizado do complexo desenvolvimento do sistema nervoso central (SNC) é visto como um desafio por parte dos acadêmicos e a utilização de modelos 3D poderá contribuir para o aprendizado dos estudantes, construindo um aprendizado permanente e visando inclusive o entendimento das malformações congênitas decorrentes da infecção gestacional por vírus zika.

Publicado
2018-05-30
Como Citar
DE LIMA MUNIZ, Anderson; GUIMARÃES MORAES, Suzana. UTILIZAÇÃO DE MODELOS 3D COMO RECURSO DIDÁTICO NO ENSINO DE EMBRIOLOGIA DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL. CIET:EnPED, São Carlos, maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/783>. Acesso em: 21 abr. 2024.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Docência e mediação pedagógica