TECNOLOGIAS ASSISTIVAS E INCLUSÃO ESCOLAR:: : O USO DO SOFTWARE GRID 2 NO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO A ESTUDANTE COM AUTISMO EM UMA ESCOLA PÚBLICA DO DISTRITO FEDERAL

  • Flavia Ramos Cândido
  • Amaralina Miranda de Souza

Resumo

Este estudo teve como principal objetivo analisar o uso do software GRID 2 e sua implicação nos processos de ensino-aprendizagem, comunicação e inclusão escolar de um estudante com autismo do Distrito Federal. A pesquisa fundamentou-se nos estudos de Bersch (2008), Galvão Filho & Damasceno (2006) e Salomão (2013) e buscou compreender a organização do trabalho pedagógico no Atendimento Educacional Especializado (AEE) ofertado ao estudante com necessidades educacionais específicas (NEE). A metodologia utilizada foi a pesquisa-ação, que conforme Barbier (2007), é apoiada em procedimentos cíclicos de reflexão e ação para favorecer o processo de mudança; o estudo de caso complementou o percurso metodológico. O estudo registrou maior articulação e colaboração entre os profissionais envolvidos no atendimento ao aluno, com evidência de melhora na sua comunicação e perspectiva de inclusão escolar por meio da tecnologia assistiva, e apontou para a necessidade de se investir na formação de professores de salas regulares e de sala de recursos multifuncionais para o uso dessas tecnologias no processo de ensino e aprendizagem.

Publicado
2018-05-29
Como Citar
RAMOS CÂNDIDO, Flavia; MIRANDA DE SOUZA, Amaralina. TECNOLOGIAS ASSISTIVAS E INCLUSÃO ESCOLAR:. CIET:EnPED, [S.l.], maio 2018. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2018/article/view/892>. Acesso em: 14 nov. 2019.
Seção
CIET:EnPED:2018 – Educação e Tecnologias: Materiais didáticos e mediação tecnológica