ACESSO AO PROGRAMA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL SOB A PERSPECTIVA DISCENTE: ESTUDO EM UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

  • Luciana Laudares de Castro
  • Gisélia Maria Campos Ribeiro

Resumo

O presente trabalho é parte de uma pesquisa, em andamento, que busca compreender quais significados os discentes atribuem ao Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) e, ao mesmo tempo, identificar quais meios institucionais podem ser utilizados como forma de dar publicidade sobre objetivos e ações do PNAES no âmbito do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais – IF Sudeste MG - Campus São João del-Rei. A base dessa investigação será norteada pelo método dialético, por este compreender a realidade social na totalidade de seus determinantes socioculturais e econômicos. Adotaremos a triangulação de métodos, conforme delineado por Flick (2013). Tal abordagem, ao conjugar diferentes concepções, busca superar as dicotomias entre quantitativo versus qualitativo, o que possibilita apreender os processos relacionados ao problema estudado de forma ampliada. A partir disso, espera-se identificar os significados atribuídos ao PNAES pelos estudantes e, com isso, apresentar ações para adequada publicização deste programa, como estratégia de tornar a discussão dessa temática acessível e próxima ao corpo discente daquela instituição.

Publicado
2020-08-28
Como Citar
LAUDARES DE CASTRO, Luciana; MARIA CAMPOS RIBEIRO, Gisélia. ACESSO AO PROGRAMA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL SOB A PERSPECTIVA DISCENTE: ESTUDO EM UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Anais do CIET:EnPED:2020 - (Congresso Internacional de Educação e Tecnologias | Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância), São Carlos, ago. 2020. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2020/article/view/1137>. Acesso em: 15 jul. 2024.
Seção
CIET:EnPED:2020 - Conteúdos educacionais – da produção à exibição