O OCULUS RIFT COMO INOVAÇÃO PARA A EDUCAÇÃO MÉDICA

  • Débora de Lima Velho Junges
  • Lucas Pereira da Rosa

Resumo

Este artigo analisa os motivos que caracterizam o Oculus Rift como uma ferramenta educacional e o seu impacto na inovação da educação médica. Para isso, abordados os conceitos e necessidades da inovação, processos de inovação e realidade virtual, como ferramentas teóricas para o estudo. Em termos de procedimentos metodológicos, este estudo se deu por uma revisão de literatura. A análise dos resultados apontou que: o Oculus Rift foi um dos elementos principais na criação do mercado de realidade virtual que temos hoje em decorrência da diminuição de custos; além disso, o Oculus Rift possibilitou a inovação pela criação de novas formas de uso, neste caso, em simuladores para a educação médica, que são mais complexos, baratos e com alta disponibilidade, permitindo que os alunos o utilizem repetidas vezes de forma autônoma.

Publicado
2020-08-28
Como Citar
JUNGES, Débora de Lima Velho; ROSA, Lucas Pereira da. O OCULUS RIFT COMO INOVAÇÃO PARA A EDUCAÇÃO MÉDICA. Anais do CIET:EnPED:2020 - (Congresso Internacional de Educação e Tecnologias | Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância), São Carlos, ago. 2020. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2020/article/view/1368>. Acesso em: 19 maio 2022.
Seção
CIET:EnPED:2020 - Ensino e aprendizagem por meio de/para o uso de TDIC