DOCÊNCIA E EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

  • Gladys Roberta Garcia
  • Celia Maria Haas

Resumo

A educação a distância (EaD) vem crescendo significantemente no Brasil. Conforme o último censo de 2018, feito pela Associação Brasileira de Educação a Distância (ABED), a modalidade contabilizou 9 milhões de alunos. Este estudo tem como objetivo compreender a visão e perspectiva do professor da educação superior presencial de uma instituição privada sobre sua carreira e os impactos da expansão da EaD em sua vida profissional. Também objetiva compreender o que os professores dos cursos presenciais de educação superior pensam sobre a docência na EaD e verificar como eles se preparam diante deste cenário. Como metodologia, optou-se pela pesquisa quali-quanti e aplicação de questionários, com perguntas objetivas e dissertativas, por meio de formulários do Google Forms, que foram enviados a professores dos cursos presenciais de uma instituição universitária privada na cidade de São Paulo. As informações coletadas foram tabuladas, categorizadas e analisadas, e mostram que, com o surgimento de novos papéis neste cenário de expansão, os professores continuam buscando a formação continuada como meio de manter sua empregabilidade. Palavras-chave: Políticas Públicas em Educação. Educação Superior. Educação a distância. Carreira do magistério.

Publicado
2020-08-28
Como Citar
GARCIA, Gladys Roberta; HAAS, Celia Maria. DOCÊNCIA E EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS. Anais do CIET:EnPED:2020 - (Congresso Internacional de Educação e Tecnologias | Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância), São Carlos, ago. 2020. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2020/article/view/1448>. Acesso em: 23 jul. 2024.
Seção
CIET:EnPED:2020 - Ensino e aprendizagem por meio de/para o uso de TDIC