RESSIGNIFICANDO A PRESENCIALIDADE EM TEMPOS DE PANDEMIA: A EXPERIÊNCIA DE UM CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS SEMIPRESENCIAL

  • Adriel Alexsander Monteiro de Castro
  • Fátima Kzam Damaceno Lacerda
  • Celly Cristina do Nascimento Saba

Resumo

Este trabalho descreve os resultados parciais de uma investigação sobre as metodologias utilizadas nos cursos semipresenciais de formação de professores oferecidos pela UERJ, em meio ao período de isolamento social e foi realizada por um estudante bolsista de iniciação científica. Para alcançar os objetivos, foi utilizada uma abordagem etnográfica virtual seguindo os pressupostos da teoria ator-rede (TAR) ou antropologia das ciências e das técnicas, em diálogo com observações dos ambientes virtuais utilizados pelos atuantes envolvidos. Os resultados parciais indicam a adaptação das metodologias utilizadas anteriormente ao isolamento, visando suprir toda e qualquer dificuldade dos graduandos, que a princípio demonstraram insegurança quanto às novas formas de ação. Com o decorrer da pesquisa, no entanto, foi possível observar um aumento do índice de satisfação dos participantes, que tende a aumentar até o final do período de isolamento social. 

Publicado
2020-08-28
Como Citar
CASTRO, Adriel Alexsander Monteiro de; LACERDA, Fátima Kzam Damaceno; SABA, Celly Cristina do Nascimento. RESSIGNIFICANDO A PRESENCIALIDADE EM TEMPOS DE PANDEMIA: A EXPERIÊNCIA DE UM CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS SEMIPRESENCIAL. Anais do CIET:EnPED:2020 - (Congresso Internacional de Educação e Tecnologias | Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância), São Carlos, ago. 2020. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2020/article/view/1634>. Acesso em: 26 maio 2022.
Seção
CIET:EnPED:2020 - Ensino e aprendizagem por meio de/para o uso de TDIC