PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DIFERENCIADAS E O USO DE TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO EM UMA TURMA DE PROGRESSÃO

  • Bárbara Cristina Farina

Resumo

O estudo aqui apresentado é fruto de reflexões geradas a partir do estágio curricular obrigatório, vinculado ao curso de Licenciatura em Pedagogia. Dessa vivência, é possível destacar o uso de tecnologias como facilitador do desenvolvimento de uma Pedagogia Diferenciada, enquanto forma de valorização dos percursos individuais de aprendizagem e de efetivação da inclusão em uma Turma de Progressão. Assim, o estudo reflete sobre a constituição das Turmas de Progressão no Município de Porto Alegre, originadas a partir da problemática da distorção idade-ano/ciclo – turmas estas organizadas de acordo com os princípios dos Ciclos de Formação que representam uma alternativa à organização tradicional seriada, elitizada, homogeneizadora e excludente. Na sequência, o estudo apresenta algumas práticas pedagógicas em que o uso de tecnologias atuou como facilitador do processo de significação da aprendizagem e, assim, da inclusão. Como conclusão, é possível afirmar que o uso de tecnologias facilita a individualização dos percursos, oferecendo possibilidades efetivas de construção de aprendizagens significativas para todos os alunos, compreendidos em sua diversidade. 

Publicado
2020-08-28
Como Citar
FARINA, Bárbara Cristina. PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DIFERENCIADAS E O USO DE TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO EM UMA TURMA DE PROGRESSÃO. Anais do CIET:EnPED:2020 - (Congresso Internacional de Educação e Tecnologias | Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância), São Carlos, ago. 2020. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2020/article/view/1658>. Acesso em: 26 maio 2022.
Seção
CIET:EnPED:2020 - Ensino e aprendizagem por meio de/para o uso de TDIC