TEORIAS DE APRENDIZAGEM FACE AO NOVO PARADIGMA DA EAD

  • Carla Barbosa de Farias Santos
  • Leonardo de Melo Lopes
  • Alexsandre Ferreira Braga

Resumo




Este trabalho tem o objetivo de apresentar as contribuições que as teorias de aprendizagem exercem na prática pedagógica da educação a distância. Descreve o construtivismo cognitivo de Jean Piaget, a relação dialógica de Paulo Freire e a abordagem humanista de Carl Rogers no processo de ensino-aprendizagem da EaD. Usamos uma abordagem qualitativa para investigar a influência das teorias de aprendizagem nos ambientes virtuais de educação, tendo em vista a atuação do tutor como facilitador e mediador. Por meio do desenvolvimento do presente estudo, foi possível observar que a constante interação em ambientes virtuais rompe com as barreiras estabelecidas pelo ensino tradicional, em que o aluno é passivo e mero receptor de informações. As práticas colaborativas estabelecidas no processo educativo promovem a formação de alunos mais autônomos – capazes de pensar, pesquisar e refletir sobre a própria aprendizagem. Além disso, a relação humana, afetiva e dialógica entre professor-aluno torna o processo educativo mais significativo e motivador. Dessa maneira, recomenda-se o estudo sistemático dessas teorias na formação de professores, a fim de reconhecerem a importância da problematização do conteúdo para o desenvolvimento cognitivo e psicossocial do aluno.




Publicado
2020-08-28
Como Citar
SANTOS, Carla Barbosa de Farias; LOPES, Leonardo de Melo; BRAGA, Alexsandre Ferreira. TEORIAS DE APRENDIZAGEM FACE AO NOVO PARADIGMA DA EAD. Anais do CIET:EnPED:2020 - (Congresso Internacional de Educação e Tecnologias | Encontro de Pesquisadores em Educação a Distância), São Carlos, ago. 2020. ISSN 2316-8722. Disponível em: <https://cietenped.ufscar.br/submissao/index.php/2020/article/view/972>. Acesso em: 23 jul. 2024.
Seção
CIET:EnPED:2020 - Epistemologia e Produção de conhecimento no contexto da Educação e Tecnologias